Publicado por: rodrigobmpoa | 24 de agosto de 2009

Corvette 1957 – AMT ERTL 1:25

Olá pessoas;

Vamos começar a brincadeira então. Por alguns dias pensei em escrever história dos fabricantes de kits, explicar como os mesmos são divididos (categorias e escalas mais comuns) como escolher um kit… Mas acho que o melhor mesmo é ir colocar a mão na massa mesmo (risos).

Eu tenho muitos kits, e dezenas deles encaixotados ainda, comprados alguns a dez anos ou mais, outros mais recentes. Eu quando compro algum kit, nem sempre tenho vontade de montá-lo imediatamente. É comum no meu caso passar um tempão pensando no que quero fazer com ele, qual versão vou montar, qual o detalhamento que vou dar. Isso envolve no caso da versão a ser montada, um trabalho de pesquisa sobre o original, ou seja o avião, carro, moto, tanque originais (os de verdade). Cores fiéis as originais, detalhes do corpo e afins são bem estudados (hoje em dia com a internet fica bem mais fácil, mas já foi na base de fotos de jornais, revistas e pesquisas em bibliotecas).

Cada modelista certamente tem uma preferência. Pode e a maioria até gosta de mais de uma coisa, mas todos que eu conheço tem uma preferência. meu tio gostava de barcos. Meu primo gosta de aviões da segunda grande guerra, veículos militares e espaçonaves de séries de ficção (Star Wars e Star Trek principalmente). Eu puxei um pouco a ele e gosto da aviação de caça da segunda grande guerra, mas também sou aficcionado por Fórmula 1, WRC e carros de rua clássicos.

Então, vou começar o blog com algo que eu gosto muito:  Carros.

E escolhi um modelo muito bacana para esse início de blog. Um Chevrolet Corvette, ano 1957,escala 1:25  da fabricante AMT ERTL, empresa Norte Americana.Comprei ele em 1999 se não me engano. Sim, dez anos “na fila” de espera.

Bom, o que é escala? Escala é é o tamanho do modelo em relação ao original. Nesse caso meu Corvette é 25 vezes menor que o verdadeiro.

Basicamente para o início é preciso que você tenha em mãos o kit e que tenha ferramentas e tintas. E na hora de ter as tintas, é importante você ler o manual e verificar alguma informação acerca dos detalhes do Kit verdadeiro. Eu tive sorte desta vez pois as cores predominantes escolhidas além de ser de um modelo conhecido, ainda estavam disponíveis na internet através deste link:

Corvette 1957 Cascade Green

Como pode ser visto, o modelo original é bastante bonito. No link acima tem bastante material do carro verdadeiro.

No próximo post, vou começar de fato a criação do kit. Espero que tenham gostado do modelo que eu escolhi.


Responses

  1. Olá Rodrigo.
    Parabéns pelo seu trabalho.
    Eu estou com um kit da Corvette 1957 para montar, só que é a modificada Gasser.
    Comprei este kit há mais de 10 anos, e por conta de algumas mudanças de casa acabei perdendo o manual de instruções de montagem com parte do carro já montado. Tenho procurado na internet o manual mas não estou conseguindo achá-lo.
    Pelo que vi as peças são muito similares as do meu kit, você por acaso ainda tem o manual?

    Em caso positivo você teria como escanear e me mandar por e-mail?

    Caso não tenha, não esquente a cabeça.

    Obrigado e um abraço.

  2. boa noite
    eu tenho este modelo de corvette 1957 em miniature na mesma cor
    quanto vale
    obrigado


Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Categorias

%d blogueiros gostam disto: